A Câmara Municipal do Funchal volta a permitir, a partir deste domingo, dia 3 de maio, a realização de visitas nos quatro cemitérios municipais, em São Martinho, Santo António, São Gonçalo e Monte, na sequência do fim do Estado de Emergência em Portugal. As visitas poderão ser realizadas todos os dias das 9h às 17h, em qualquer cemitério, mas terão de respeitar apertadas regras de segurança.

As entradas serão, assim, controladas à porta, e autorizadas de forma faseada, de maneira a que só esteja dentro do cemitério, em cada momento, um número reduzido de pessoas e limitado à capacidade de cada espaço, em nome da segurança de todos. Só deverão entrar, em simultâneo, duas pessoas por cada agregado familiar e todos os visitantes têm de usar obrigatoriamente máscara e luvas. Informa-se, igualmente, que no caso de se estar a realizar uma cerimónia fúnebre, a entrada de visitantes terá de aguardar até que a cerimónia termine.

Relativamente às cerimónias fúnebres, a Autarquia informa que se mantém em vigor a fixação de um limite máximo de 20 pessoas presentes e a aplicação de todas as medidas de distanciamento social e de proteção recomendadas pela Direção Geral de Saúde, quer para os funcionários municipais, quer para os funcionários das agências funerárias envolvidas.

A Câmara Municipal do Funchal apela ao consumo no comércio tradicional e tem em curso a campanha  “Comércio do Funchal, Viva!”, com vista a apoiar a economia local perante os desafios que se avizinham. O Presidente Miguel Silva Gouveia explica que “ao longo dos últimos dois meses, foram muitas as iniciativas que promovemos para ajudar os nossos comerciantes, que chegaram a várias dezenas de negócios. Numa altura em que se antecipa a reabertura do pequeno comércio, queremos reforçar esta mensagem de encorajamento, para que os comerciantes saibam que, quando for o momento de reabrir, estaremos lá uns para os outros.”

Desde o início da pandemia, o Município lançou, entre outras, uma plataforma própria – “Comércio ao Serviço” – com vista a informar a população sobre serviços essenciais que se mantiveram abertos durante o estado de emergência, aderindo igualmente à plataforma nacional “Preserve”, para comprar vouchers no comércio local e usá-los quando os estabelecimentos questão fechados reabrirem. Ao mesmo tempo, os serviços municipais desenvolveram uma minuta de um Plano de Contingência para o setor empresarial do concelho, prestando apoio permanente, através do Balcão do Investidor, e esclarecendo individualmente as dúvidas colocadas pelos empresários. Todos os apoios existentes foram igualmente sistematizados nos canais oficiais da CMF.

Entre as várias medidas de apoio ao Comércio e Serviços que o Município tomou desde março, destacam-se ainda o “Mercado em Casa”, que permitiu aos comerciantes dos mercados municipais venderem fruta e legumes a casa de idosos e pessoas com deficiência, e a “Venda Itinerante”, que permitiu apoiar um grupo mais alargado de comerciantes e munícipes por todo o concelho, com incidência nas zonas altas. “A atual campanha é mais uma forma da Câmara Municipal demonstrar a sua confiança no comércio de proximidade, mas é preciso que todos os funchalenses também o façam, apoiando o negócio de gente que é resiliente por natureza, desde há muitos anos e perante muitas outras lutas e dificuldades”, conclui o Presidente, deixando o apelo à população.

Plataforma “Comércio ao Serviço” – para informar sobre serviços essenciais abertos

Plataforma “Preserve” – para comprar vouchers no comércio local

  • 17 estabelecimentos registados
  • Para acederpreserve.pt;
  • Registo de estabelecimentos comerciais

https://preserve.pt/comerciante/registo.

Ação do Balcão do Investidor

  • 80 minutas do Plano de Contingência desenvolvido pela CMF entregues às empresas
  • 71 esclarecimentos aos empresários (por escrito, online ou em vídeo)

Síntese dos apoios e benefícios às empresas disponível em: https://covid19.cm-funchal.pt/covid-19-empresas/

O Presidente Miguel Silva Gouveia lançou, neste mês de abril, a iniciativa “Falar Funchal”, assumindo o objetivo de ultrapassar o distanciamento social provocado pela atual crise de saúde pública e manter a proximidade com os munícipes do concelho. Uma vez por semana, o autarca está, assim, em direto no facebook da CMF, para conversar com convidados reconhecidos pela sua carreira e mérito, em conversas que são abertas ao público, permitindo que sejam colocadas questões a todos os presentes.

Isso acontece normalmente à sexta-feira, mas o “Falar Funchal” desta semana foi antecipado para amanhã, quinta-feira, dia 30 de abril, pelas 17h, em virtude do feriado. O tema serão as conquistas e os direitos dos trabalhadores, que se assinalam justamente a 1 de Maio, Dia do Trabalhador, e os convidados serão Tiago Barbosa Ribeiro, deputado do PS à Assembleia da República, e Herlanda Amado, deputada da CDU à Assembleia Municipal do Funchal.

“Nas últimas duas semanas, as conversas «Falar Funchal» foram assistidas por cerca de 12 mil pessoas, o que demonstra que este é um formato que interessa aos cidadãos, o que nos encoraja a apostar nesta via de diálogo e constitui um sinal importante para o poder público em geral. Tenho podido contar, nesta iniciativa, com excelentes convidados, que a têm valorizado muito e desta vez não será exceção.”

“Vamos continuar a marcar a atualidade, desta feita com uma conversa sobre aquilo que representa o 1º de Maio para os trabalhadores e discutiremos quais as consequências desta crise para quem trabalha e o que cabe ao poder político fazer para proteger os seus direitos durante os tempos difíceis que vamos enfrentar. Agradeço, por isso, ao Tiago Barbosa Ribeiro e à Herlanda Amado por terem aceite o meu convite e acredito que será interessante ter reunidas à mesma conversa três pessoas da mesma geração, filhos de Abril, com responsabilidades políticas diversas, mas o mesmo objetivo comum.”

Tiago Barbosa Ribeiro é natural do Porto e deputado do PS na Assembleia da República. É licenciado em Sociologia com especialização em Trabalho e Organizações pela Universidade do Porto e era técnico superior de uma empresa industrial nos setores da electricidade e electromecânica,  antes de assumir as funções de deputado. É Coordenador na Comissão de Trabalho e Segurança Social da Assembleia da República desde 2015. Nesta área, integrou, entre outros, o Grupo de Trabalho de Combate à Precariedade, criado no âmbito dos acordos com BE, PCP e PEV para a solução de Governo na XIII Legislatura, e o grupo de trabalho para a revisão das Leis Laborais, entre outros. É coautor das obras «Onde Pára o Estado? Políticas Públicas em Tempo de Crise» e «Trabalho Igual, Salário Diferente». É, ainda, Presidente da concelhia do PS Porto.

Herlanda Amado é deputada da CDU na Assembleia Municipal do Funchal, tendo sido, no ano passado, a cabeça-de-lista da CDU pela Madeira à Assembleia da República. É operária conserveira de profissão e já foi assessora parlamentar na Assembleia Legislativa da Madeira. É, ainda, ativista do Movimento Democrático das Mulheres, pertenceu à Direção Nacional da JCP e é membro da Direção da Organização da Madeira do PCP.

A Câmara Municipal do Funchal apresentou, neste mês de abril, a iniciativa “A Cultura que nos Une”, que prevê dezenas de eventos e iniciativas para serem usufruídos pelos funchalenses na sua própria casa, em virtude da atual crise de saúde pública que vivemos. Esta programação decorre nas múltiplas redes sociais camarárias, como é o caso, entre outras, da página do Museu A Cidade do Açúcar (MACA) e da Biblioteca Municipal (BMF).

Assim, esta quinta-feira à tarde, dia 30 de abril, a Biblioteca Municipal do Funchal dinamiza, a partir das 14h, uma oficina online de introdução à Arte de Contar Histórias, denominada “Conta-me Outra”, que será dirigida pela mediadora cultural Catarina Claro. As inscrições já se encontram esgotadas e a atividade decorrerá na plataforma Zoom, sendo depois reproduzida na página de facebook da BMF.

Pelas 15h, na página de facebook do museu A Cidade do Açúcar irá decorrer, por sua vez, a conferência “Do Fanîd ao Alfenim – A odisseia transcultural de um medicamento delicioso”, que será ministrada pelo Professor Doutor António José Marques da Silva, atualmente docente da Licenciatura em Direção e Gestão Hotelaria na Universidade da Madeira. O preletor é doutorado na área de História, especialidade em Arqueologia, e foi Professor na Universidade de Coimbra, na sua área de especialidade, entre 2008 e 2011, sendo um colaborador regular em vários projetos internacionais ligados ao património gastronómico.

O tema desta conferência será a história do surgimento do doce alfenim, que é feito principalmente de açúcar e que começou por servir de ingrediente em remédios. A existência do alfenim remonta à Idade Média sendo que, atualmente, este doce ainda é produzido em alguns países e nos Açores, mas outrora já foi considerado um dos famosos doces conventuais produzidos na Madeira.

A Câmara Municipal do Funchal retoma a partir da próxima segunda-feira, dia 4 de maio, os horários e as frequências de recolha seletiva de resíduos sólidos que estavam em vigor antes do Estado de Emergência. Recorde-se que a recolha seletiva foi suspensa temporariamente durante este período, na linha do que aconteceu nos principais municípios do país, de forma a gerir as escalas de serviço.

A Vice-Presidente Idalina Perestrelo enaltece a reposição das condições para que este serviço fundamental possa voltar a operar, recordando que “o Município do Funchal lidera a recolha seletiva de resíduos urbanos na Região, recolhendo cerca de dois terços do total produzido na Madeira. O Funchal é, de resto, o único município regional que faz recolha seletiva de resíduos porta-a-porta, existindo atualmente 62 circuitos de recolha seletiva, uma referência a nível nacional para cidades da nossa dimensão.”

A autarca, que tutela o Ambiente no Funchal, reforça “a importância de separar o lixo, área na qual os funchalenses dão o exemplo desde há muitos anos, pelo que contamos com o empenho de todos depois deste pequeno hiato” e sublinha que “a retoma deste serviço será realizada cumprindo todas as regras de segurança em vigor, desde logo com os nossos colaboradores, que utilizarão equipamentos de proteção individual tais como máscaras e luvas. Aos munícipes pede-se que, após a recolha ser efetuada, os contentores sejam higienizados, com atenção à tampa e às pegas, para segurança de todos.”

A CMF informa, igualmente, que o serviço de remoção a pedido também será retomado a 4 de maio. Quem tiver dúvidas em relação aos dias e horários de recolha de resíduos no seu arruamento, ou demais serviços disponibilizados pelo Departamento Municipal de Ambiente, pode ligar para o Contact Center da CMF, através do número 291 211 000.

O concurso municipal “QuarenTeens” – um prémio à criatividade é a mais recente iniciativa da Câmara Municipal do Funchal para fazer face ao estado de emergência, e vai atribuir prémios aos jovens que residem, estudam ou trabalham no Município do Funchal, e ainda àqueles que se encontram em confinamento social fora da Região.

O Presidente Miguel Silva Gouveia sublinha que a Câmara Municipal tem vindo a desenvolver, nos últimos dois meses, “múltiplos projetos dirigidos aos jovens funchalenses, no sentido de contrariar a crise de saúde pública que vivemos, cultivando a proximidade e a participação dos nossos jovens como valores essenciais do nosso projeto de governação para a cidade.”

“O Funchal não se esquece dos mais novos nestes tempos difíceis e sabemos que só poderemos ultrapassar os desafios que se avizinham com o seu envolvimento e o seu contributo. Através deste concurso, a CMF vai distinguir as ideias e expressões artísticas mais originais, seja em vídeo, fotografia, pintura, música ou outras manifestações, ajudando assim a ultrapassar as dificuldades naturais do confinamento determinado pelo estado de emergência nacional.”

“Ao envolvermos os jovens que estão lá fora, vamos também fomentar o sentido de pertença e união entre todos, enfatizando, em todos os trabalhos, a pertinência dos temas abordados e a importância de manter um espírito positivo nos momentos difíceis que estamos a enfrentar”, reforça o Presidente.

O concurso encontra-se aberto à participação dos jovens referidos entre os 14 e os 30 anos, que participarão de modo individual, com apenas uma proposta. A entrega das propostas decorrerá até dia 31 de maio e todos os trabalhos deverão ser enviados em suporte digital para e-mail da Divisão de Juventude, Desporto e Envelhecimento Ativo, em djdea@cm-funchal.pt, com o assunto “QuarenTeens – um prémio à criatividade”.

As propostas devem ser acompanhadas da ficha de participação devidamente preenchida e demais documentos mencionados nas normas de participação. As propostas serão posteriormente avaliadas pelo júri definido, que terá como critérios a adequação do tema à realidade atual, a mensagem social transmitida, a qualidade estética, a qualidade técnica e a criatividade e originalidade.

A proposta vencedora será premiada com um curso online à escolha do vencedor nas plataformas https://www.edx.org/ ou https://www.coursera.org/,  até ao valor máximo de 200€, e a subscrição de uma conta Netflix pelo período de 12 meses. Ao segundo e terceiro lugar serão atribuídas subscrições de conta Netflix pelo período de 12 e 6 meses, respetivamente. A Autarquia entregará, igualmente, a todos os participantes brindes relativos à sua participação no “QuarenTeens” e os trabalhos vencedores serão divulgados no site oficial e redes sociais da Câmara Municipal do Funchal.

FICHA DE INSCRIÇÃO

NORMAS DE PARTICIPAÇÃO

A Câmara Municipal do Funchal transmite na próxima sexta-feira, dia 1 de maio, a partir das 11h, na sua página oficial de facebook, a missa em honra do Dia do Padroeiro do Funchal, São Tiago Menor. Este ano não haverá procissão e a missa será realizada na Sé Catedral à porta fechada, conforme determinações em vigor no atual Estado de Emergência, mas a celebração será presidida pelo Bispo do Funchal, D. Nuno Brás, e contará com a presença da Vereação, tal como é tradição.

O Presidente Miguel Silva Gouveia enaltece, em especial, que “a celebração do Dia do Padroeiro do Funchal é uma data com um significado histórico bastante adequado ao tempo em que vivemos.” A homenagem que o Município presta ao Santo remonta ao século XVI e invoca a proteção da população aquando do ciclo da peste no Funchal (1521, 1523 e 1538), tendo as autoridades camarárias de então entregue a guarda da saúde dos habitantes a São Tiago Menor.

Miguel Silva Gouveia contactou atempadamente D. Nuno Brás, transmitindo-lhe que “esta é uma tradição que a CMF faz questão de cumprir, honrando um voto muito antigo àquele que é o Padroeiro da cidade, e logo numa altura em que a nossa comunidade volta a ser afetada por um problema grave de saúde pública. Queremos, desta forma, aproveitar esta reflexão para lembrar que, além da proteção divina, temos de fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para cuidar dos outros e da cidade.”

“Acreditamos que este será um momento muito representativo para os funchalenses, pelo que, apesar de não se realizar a habitual procissão na Baixa da cidade, manteremos viva a renovação do Voto a São Tiago Menor com uma missa em sua honra, transmitindo-a em direto para que esta possa chegar a toda a comunidade e a todos os madeirenses além-mar.”

O “Mercado em Casa” da Câmara Municipal do Funchal, uma iniciativa criada durante o atual Estado de Emergência, com o intuito de combater o isolamento dos idosos e das pessoas com deficiência do concelho, já chegou a 157 agregados familiares funchalenses.

Miguel Silva Gouveia enaltece que esta “foi uma iniciativa recebida com grande reconhecimento desde a primeira hora por parte daquele que é o público-alvo e das respetivas famílias, sendo que neste momento já chegámos a um número assinalável de casas no concelho.”

O Município assegura a entrega de bens essenciais como fruta e legumes frescos da Região, com recurso à frota de viaturas municipal, sem quaisquer custos pelo transporte. “Ao mesmo tempo, este tem sido um apoio importante para os nossos comerciantes dos mercados municipais, que puderam continuar a vender os seus produtos, a partir dos espaços que continuam abertos.”

A iniciativa “Mercado em Casa” assegura o transporte gratuito pelo Município de bens alimentares que são adquiridos por munícipes em situação vulnerável aos comerciantes dos mercados municipais. As equipas de entrega são compostas por um funcionário camarário e por um comerciante dos mercados, sendo que o pagamento é feito no ato da entrega, ao comerciante que acompanha o motorista. Os preços praticados são os mesmos de venda nos mercados municipais e são confirmados a quem fizer a encomenda, antes da entrega.

São abrangidos por este serviço de entregas gratuitas os idosos residentes no concelho do Funchal (a partir dos 65 anos), as pessoas com deficiência ou incapacidade de qualquer idade e os agregados familiares onde estes estejam inseridos.

As encomendas podem ser feitas de segunda-feira a sábado, pelo telefone 291 214 083, no período das 9h às 12h, ou através do email mercadoemcasa@cm-funchal.pt, por exemplo, no caso da encomenda ser feita por terceiros. No ato da encomenda, quem fizer o pedido tem de indicar nome completo, idade, morada exata, contacto telefónico e NIF do beneficiário.

As entregas são feitas no próprio dia por ordem de chegada das encomendas, até às 13h. O fornecimento dos produtos é assegurado pelos comerciantes no ativo, de forma rotativa.

Reportagem RTP-Madeira: http://www.rtp.pt/…/municpio-do-funchal-promove-no-ms-de-ma…

A Câmara Municipal do Funchal vai organizar, no mês de maio, um Campeonato Virtual Rali – Cidade do Funchal, em parceria com o MaisRalis.com e o piloto da equipa PlayTotal Racing Miguel Nunes (Skoda Fabia R5 Evo), de 1 a 29 de maio, e ainda um Torneio FIFA20 Cidade do Funchal, com a colaboração da Weaver Gaming, de 1 a 6 de maio. As competições serão apadrinhadas por Miguel Nunes, vice-campeão regional de ralis, e Laura Luís, jogadora do Sporting de Braga, respetivamente.

O conceito de eSports é uma forma organizada de competição, individual ou coletiva, de jogos virtuais que pode abranger diversos géneros, desde a vertente de estratégia à fantasia, passando pelos desportos motorizados até ao futebol. As inscrições decorrem até 29 de abril nos links abaixo e haverá prémios para os melhores classificados.

Estas competições surgem como uma resposta da CMF para minimizar o confinamento domiciliário que a população está a atravessar devido à pandemia de COVID-19. A Autarquia destaca em ambas as competições o propósito de fomentar uma cultura da ética e fairplay entre todos os participantes, sob o lema “Fiquem Seguros, Joguem em Casa.”

Torneio FIFA20 Cidade do Funchal

Esta competição será disputada na PS4, no modo 1vs1 e em formato eliminatórias, com eliminação direta, onde cada jogador perde uma vez e é excluído do Torneio.
É necessário entrar no canal Discord oficial CMF #FUTEBOLEMCASA onde todos os jogadores devem estar presentes.

Link para as inscrições: https://bit.ly/2wVClv6
Link para o discord: https://bit.ly/2Kn54Mz
Link Normas de Participação: https://drive.google.com/…/16AQKQ3r9Aioq0WsNwaQYVZ7xZ…/view…

PRÉMIOS:

FIFA20: 1º Classificado: AOC Monitor Gaming 27″ | 2º Classificado: Auscultadores Kingston (gaming)
Sorteio: uma camisola oficial do Sporting Clube de Braga da atleta Laura Luís, a ser sorteada entre todos os participantes.

Campeonato Virtual Rali – Cidade do Funchal

Esta competição será disputada na PS4, XBOX e PC.
Link para inscrições: https://forms.gle/2sJR6k54A1ptFPXu6
Normas de Participação: https://drive.google.com/…/1jBEK0qiBmMLv8Dg1lplBDrS5r…/view…

PRÉMIOS:

Virtual Rali: 1º Classificado: Playseat Simulador Evolution | 2º Classificado: AOC Monitor Gaming 27″ | 3º Classificado: Auscultadores Kingston (gaming)
Sorteio: uma experiência co-drive com o piloto Miguel Nunes, a ser sorteada entre todos os participantes.

 

A Câmara Municipal do Funchal assinala esta semana o 46º aniversário da Revolução do 25 de Abril de 1974 com diversas iniciativas dedicadas a esta data fundamental da História do país.

Para esta sexta-feira, dia 24 de abril, estão agendados alguns dos momentos-chave das comemorações. Logo pelas 12h, o Presidente Miguel Silva Gouveia estará em direto no facebook oficial da CMF, para a 2ª edição das conversas “Falar Funchal”. Os convidados serão Vicente Jorge Silva, histórico jornalista madeirense e cofundador do Público, e João Marecos, advogado e cocriador da popular página «Os truques da imprensa portuguesa», numa conversa que irá abordar o direito à informação, a liberdade de imprensa e a importância do jornalismo para a Democracia.

Às 21h, terá lugar, por sua vez, o concerto comemorativo do 25 de Abril no Funchal, em direto no facebook e instagram da CMF, com o cantor madeirense Tiago Sena Silva. O espetáculo, que vai reunir um repertório de músicas de intervenção, será transmitido a partir do jardim interior dos Paços do Concelho, para todos os madeirenses espalhados pelo mundo.

Finalmente, às 22h55 em ponto, a Autarquia convida a população a vir às janelas das suas casas, para assistir a um momento simbólico de luz e cor nos céus do Funchal, que será visível em todas as freguesias. A hora foi escolhida de propósito para recordar o momento em que a música “E Depois do Adeus”, de Paulo de Carvalho, tocou na Rádio Renascença, servindo de senha ao início da Revolução.

Acrescenta-se que, conforme foi explicado publicamente desde a primeira hora, este lançamento simbólico de fogo-de-artifício, com um posto em cada freguesia do Funchal, terá um custo total de 5 mil euros, pelo que a Câmara Municipal lamenta a desinformação instigada nas redes sociais, através de canais que não são sérios, nem fidedignos. A Autarquia faz questão de assinalar o 25 de Abril e de proporcionar esse momento simbólico a todos os funchalenses nas suas casas, porque é essencial manter viva a chama da Liberdade e da Democracia, o que também se faz ao contrariar acusações assentes em mentiras e propósitos obscuros. Não passarão.

A Câmara Municipal do Funchal convida, finalmente, todos os funchalenses a estarem atentos à página de facebook da Autarquia nos dias 24 e 25 de abril, uma vez que serão publicadas várias outras surpresas preparadas pelo Município relativas a esta data.